CONSULTORIA: MPF-AM lança consulta pública para identificar temas prioritários de atuação

O Ministério Público Federal (MPF) abre consulta pública, nessa quinta-feira (13), com objetivo é identificar temáticas de atuação prioritária do MPF para os próximos [...]

CONSULTORIA: MPF-AM lança consulta pública para identificar temas prioritários de atuação

O Ministério Público Federal (MPF) abre consulta pública, nessa quinta-feira (13), com objetivo é identificar temáticas de atuação prioritária do MPF para os próximos anos no Amazonas. Sociedade, membros e servidores estão convidados para participar.

questionário on-line finaliza a etapa de diagnóstico para a construção do novo Planejamento Estratégico, que começa a vigorar em 2021. Dividida em cinco seções, a consulta elenca os temas de atuação finalística e as estruturas de apoio do MPF para que o respondente indique o grau de importância para cada item. O resultado da consulta servirá para nortear o trabalho de elaboração dos novos objetivos e programas do Planejamento Estratégico.

A construção do novo ciclo do Planejamento Estratégico é conduzida pelos próprios integrantes do órgão e não por consultoria externa. Para a secretária de Modernização e Gestão Estratégica (SGE) do MPF, Bruna Pereira de Alencar, em tempos de restrições orçamentárias, além de contribuir com a economicidade e eficiência da atuação institucional, essa abordagem mostra o aumento da maturidade organizacional em ferramentas de gestão, para, em parceria com a sociedade, definir os novos rumos da instituição.

O que é o PE

O Planejamento Estratégico (PE) é a ferramenta de gestão que estabelece diretrizes e prioridades para a atuação do MPF, auxiliando na tomada de decisão e na prestação de melhores serviços à sociedade. Além disso, o instrumento também mensura e avalia o desempenho do MPF.

O que já foi feito

A construção do novo PE teve início em julho do ano passado. Ao todo, foram realizadas 16 oficinas de autodiagnóstico na PGR, em diversas unidades do órgão, com o objetivo de avaliar o PEI 2011/2020. Membros e servidores pontuaram resultados e falhas do último planejamento, bem como apontaram oportunidades e sugestões de melhorias para a construção do novo PE.

Entre as oportunidades levantadas estão: aprimoramento das atividades de investigação e inteligência; intercâmbio e compartilhamento de informação com órgãos públicos nas diversas áreas de interesse; melhoria dos processos de trabalho com o uso de tecnologia da informação; e fomento da atuação resolutiva dos membros.

Próximos passos

A realização de oficinas regionais será o próximo passo na elaboração do novo PE. Concluído o trabalho, será elaborada a minuta do novo planejamento e encaminhada para análise do público interno do MPF. A edição da versão final está prevista para outubro deste ano.

FONTE: PORTAL G1 AMAZONAS