Manaus já aplicou mais de meio milhão de doses de vacina contra a COVID-19

Foto: João Viana | Semcom - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

Foto: João Viana | Semcom - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

A Prefeitura de Manaus atingiu, na manhã desta quarta-feira, 5/5, a marca de meio milhão de doses aplicadas de vacinas contra a COVID-19. Desde o início da campanha, no dia 19 de janeiro, foram 320.324 primeiras doses e 179.956 segundas doses. Mesmo com a suspensão temporária da primeira dose, as equipes da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) seguem atendendo nos sete postos, em todas as zonas da cidade, com a segunda dose para os grupos prioritários que já haviam iniciado o ciclo vacinal.

Em Manaus, a campanha de imunização contra a COVID-19 já assegurou a imunização de trabalhadores da saúde, indígenas aldeados, idosos institucionalizados, faixa etária de 60 anos e mais, e pessoas de 18 a 59 anos com as comorbidades descritas no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a COVID-19.

"Diferentemente de muitas outras capitais, aqui em Manaus já avançamos muito nos grupos prioritários. Só não vacinamos mais porque ainda não recebemos as doses necessárias. Mas seguimos com a segunda dose, garantindo a imunização de parte da população que é mais vulnerável aos efeitos do coronavírus. Essa tem sido a orientação do prefeito David Almeida que vem buscando, junto ao governo federal, condições para que avancemos ainda mais", disse a secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe.

Segundo ela, é importante e necessário que as pessoas que tomaram a primeira dose compareçam no prazo agendado pelo Imuniza Manaus (https://imuniza.manaus.am.gov.br/) para concluir o ciclo. Os postos funcionam de segunda-feira a sábado, das 9h às 16h.

Até a manhã desta quarta-feira, a Semsa já havia vacinado 66.551 trabalhadores de saúde, o equivalente a 105,1% do total estimado pelo Ministério da Saúde (MS) para esse grupo. Na divisão por faixa etária, do grupo de 60 a 64 anos, já são 60.515 os que receberam a vacina, 89,4% do total previsto; de 65 a 69 anos, 44.322 foram vacinados, o que representa 93,2% do total de pessoas; do grupo de 70 a 74 anos, os imunizados somam 29.193 idosos, equivalendo a 93,9%; de 75 a 79 anos, com 17.264 vacinados (92,6%); e de 80 anos e mais, 19.577, que representam 96,6% do total de pessoas nessa faixa.




Texto - Sandra Monteiro / Semsa