Junho Violeta: Na zona rural de Manaus, 780 idosos foram atendidos

Foto: Divulgação | Sejusc - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

Foto: Divulgação | Sejusc - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

Com a intenção de conscientizar a população no combate à violência contra a pessoa idosa, 780 idosos foram atendidos na comunidade Nossa Senhora de Fátima, no Tarumã-Mirim, zona rural de Manaus, na última quinta-feira (17).

A iniciativa faz parte da campanha Junho Violeta e foi organizada pela Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), em parceria com outros órgãos das esferas municipal e estadual. Na comunidade, foi realizada distribuição de folder da rede de proteção, de kits de higiene bucal e de limpeza e orientações psicossociais.

Os moradores também receberam vacinação contra Influenza (gripe), aferição de pressão arterial, teste de glicemia, distribuição de preservativos, atendimento odontológico, consultas médicas e orientações da equipe da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa); cortes de cabelo e emissão de documentação básica pelas equipes de Cidadania da Sejusc; além de ações da Delegacia Especializada em Crimes contra o Idoso (DECCI).

De acordo com a secretária Mirtes Salles, titular da Sejusc, a ação mostra o comprometimento do governador Wilson Lima com a efetivação da política dos direitos da pessoa idosa.

"Eles [idosos] estão assistidos e contam com uma grande rede. Conseguimos, com o evento, divulgar os canais de denúncia, além de disponibilizar, por meio de parcerias, o acesso a serviços de assistência social, de saúde e de orientações jurídicas", disse a gestora.

A gerente de Promoção dos Direitos da Pessoa Idosa da Sejusc, Ana Cristina Silva, destacou que a campanha Junho Violeta é de extrema importância, pois a grande maioria das violações contra os idosos ocorre no ambiente familiar. Por isso, segundo ela, é fundamental que a população conheça a rede de proteção para que assim possa ajudar quem precisa.

"A ação realizada pelo Governo do Estado teve a finalidade de viabilizar o acesso aos serviços de saúde, assistência, cidadania, e também de conscientizar sobre o deve da família, da sociedade e do poder público na proteção desses idosos", afirmou Ana.

Projeto

A programação do Junho Violeta da Sejusc iniciou no dia 2 de junho e segue até o dia 28 deste mês, com uma ação, semelhante à realizada na Comunidade Nossa Senhora de Fátima, das 8h30 ao meio-dia no Cipdi, na rua do Comércio, s/nº, Parque Dez, anexo à DECCI.

*Com informações da assessoria