Começa pagamento de abono fardamento para policiais e bombeiros no AM

Foto: Diego Peres | Secom - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

Foto: Diego Peres | Secom - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

O Estado do Amazonas vai começar a pagar neste mês o abono fardamento aos policiais militares e bombeiros da ativa. Para isso, serão destinados recursos na ordem de R$ 27.568.220,68. O anúncio foi feito pelo governador Wilso Lima, durante formatura da tropa, no Comando Geral da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), no bairro Petrópolis, zona sul., nesta sexta-feira, dia 18.

Segundo o governador, o controle dos gastos públicos e os ajustes financeiros permitem o pagamento do abono. "Nós tivemos dificuldades financeiras muito grandes, em razão da pandemia, em razão da restrição do funcionamento das atividades econômicas. Mas agora conseguimos fazer esse reconhecimento ao policial militar, ao bombeiro militar. Isso é importante para qualificar e reconhecer o trabalho desse servidor que está nas ruas fazendo esse trabalho de segurança para dar tranquilidade à população", declarou Wilson Lima.

O valor do abono é equivalente a um soldo no dia do aniversário do militar e do bombeiro. Com o recurso disponibilizado no contracheque, policiais militares e bombeiros poderão comprar os fardamentos operacional e administrativo, coturnos, boina e acessórios como cinto e coldre.

O abono será pago em parcela única no mês do aniversário do militar. Os que já fizeram aniversário no primeiro semestre irão receber o abono no dia 25 de junho e, para isso, a Secretaria de Estado de Administração e Gestão (Sead) está providenciando uma folha extra de pagamento.

Em todo o Estado, 8.096 policiais militares e 1.097 bombeiros, entre combatentes e da área da saúde, serão contemplados com abono.