Ministério reconhece e confirma tombamento do Centro Histórico de Manaus

Foto: Murilo Rodrigues | ATUAL - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

Foto: Murilo Rodrigues | ATUAL - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

O Ministério do Turismo publicou no Diário Oficial da União desta quarta-feira (28) uma portaria que homologa o tombamento do Centro Histórico de Manaus, na capital amazonense.

O tombamento do Centro Histórico de Manaus foi feito pelo Ipham (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) em 2012. O espaço abrange uma área entre a orla do Rio Negro e o entorno do Teatro Amazonas, de forma a manter "os aspectos simbólicos e densos de realizações artístico-construtivas", conforme explica o Iphan em sua página na internet.

O local inclui "uma fração urbana formada por edificações do período áureo da borracha, mesclada a edifícios modernos e representa um dos maiores testemunhos de uma fase econômica ímpar no Brasil, quando a exploração do látex proporcionou o incremento da industrialização em escala mundial".

De acordo com o Iphan, a preservação do local, que configura o "coração urbano da cidade", garante a manutenção de seu patrimônio singular e integro, além de incluir Manaus no rol das cidades históricas do Brasil, com inscrição no Livro de Tombo Histórico e no Livro de Tombo Arqueológico, Etnográfico e Paisagístico.