Procon-AM autua companhia aérea após cancelamento de voo

Foto: Divulgação - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

Foto: Divulgação - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

O Instituto de Defesa do Consumidor (Procon-AM) autuou a empresa MAP Linhas Aéreas após o cancelamento de um voo Manaus/Coari/L√°brea, na manh√£ desta sexta-feira (24/09). A a√ß√£o do órg√£o ocorreu após denúncias de consumidores.

Segundo a equipe de fiscaliza√ß√£o do Procon-AM, a empresa alegou que o voo foi cancelado por problemas técnicos na aeronave.

No entanto, os passageiros n√£o foram informados sobre os detalhes da situa√ß√£o – no momento da chegada do Procon-AM, eles aguardavam, sem notícias sobre a remarca√ß√£o da viagem, na sala de embarque do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, no bairro Tarum√£, zona oeste de Manaus.

O Procon-AM solicitou à empresa os comprovantes de manuten√ß√£o periódica de todas as aeronaves que fazem trajetos entre Manaus e os municípios do interior do estado. Os documentos devem ser entregues ao órg√£o em até 15 dias corridos.

"A Resolução 400/2016 da Agência Nacional de Aviação (Anac) resguarda o passageiro, que deve ser informado sobre a previsão de um novo voo, em caso de cancelamento de viagem. O consumidor precisa receber todo o amparo, e nisso se incluem os esclarecimentos sobre os motivos pelos quais o voo não será realizado naquele momento", explica o diretor-presidente do Procon-AM, Jalil Fraxe.


*Com informa√ß√Ķes da assessoria