Réu por homicídio de companheira é condenado a 17 anos de prisão em Manaus

Foto: TJAM | Divulgação - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

Foto: TJAM | Divulgação - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

Réu pelo homicídio de Hellem Cristina Almeida de Araújo, Salmo Lopes de Oliveira foi condenado a 17 anos de pris√£o pelo Tribunal do Júri de Manaus. O homicídio ocorreu na madrugada do dia 23 de mar√ßo de 2017, no bairro Cidade de Deus, zona norte da capital.

O réu, que respondia ao processo em liberdade, n√£o compareceu ao julgamento. A juíza Ana Paula de Medeiros Braga Bussulo determinou a pris√£o preventiva.

Conforme denúncia do Ministério Público com base no inquérito policial, o réu e a parceira estavam juntos em casa quando brigaram. Segundo o processo, Hellem Cristina foi imobilizada com uma "gravata" o que causou a morte por asfixia. O corpo dela foi deixado na rua.