Morre o apresentador Jô Soares aos 84 anos, em São Paulo

Foto: Reprodução | Instagram | flavia_pedras - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

Foto: Reprodução | Instagram | flavia_pedras - Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

O apresentador e humorista Jô Soares, 84, morreu na madrugada desta sexta-feira (5). A informação foi publicada nas redes sociais da ex-esposa Flavia Pedras Soares e confirmada pela assessoria de imprensa do humorista por telefone. Segundo Flavia, Jô Soares estava internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Ainda não há informações sobre o horário e local do velório e enterro. A causa da morte não foi divulgada.

Na publicação feita por Flávia Pedra, ela diz "viva você meu Bitiko, Bolota, Miudeza, Bichinho, Porcaria, Gorducho. Você é orgulho pra todo mundo que compartilhou de alguma forma a vida com você. Agradeço aos senhores Tempo e Espaço, por terem me dado a sorte de deixar nossas vidas se cruzarem. Obrigada pelas risadas de dar asma, por nossas casas do meu jeito, pelas viagens aos lugares mais chiques e mais mequetrefes, pela quantidade de filmes, que você achava uma sorte eu não lembrar pra ver de novo, e pela quantidade indecente de sorvete que a gente tomou assistindo. Obrigada para sempre, pelas alegrias e também pelos sofrimentos que nos causamos. Até esses nos fizeram mais e melhores Amor eterno, sua, Bitika." finalizou. Ainda na publicação ela informou que o funeral será apenas para família e amigos próximos.

Jô Soares nasceu no Rio de Janeiro, no dia 16 de janeiro de 1938. Além de apresentador, Jô também se destacou como ator, humorista e escritor. A primeira aparição na televisão foi na Record TV, em 1956, no elenco do programa Praça da Alegria. Jô também trabalhou nas emissoras Continental, TV Rio, Tupi, Excelsior, SBT e Globo.